ACNOA e APO Group anunciam parceria para promover o Olimpismo em África.

A Associação de Comités Olímpicos Nacionais de África (ACNOA) e o APO Group anunciam uma parceria estratégica de vários anos para fazer avançar o Movimento Olímpico em África

Os Jogos Olímpicos representam o auge do desporto a nível global, e a ACNOA é o órgão administrativo supremo do Movimento Olímpico em África.

A Associação de Comités Olímpicos Nacionais de África (ACNOA) e o APO Group, o principal serviço pan-africano de consultoria em comunicação e distribuição de comunicados de imprensa, anunciaram hoje uma parceria estratégica de vários anos que trará maior destaque internacional ao Movimento Olímpico em África.

A parceria foi assinada no sábado em Abuja, Nigéria, durante a 20ª Assembleia Geral Ordinária da ANOCA, pelo Presidente da ANOCA Mustapha Berraf e Chefe de Parcerias do APO Group, Vivian Casaletti, que representou o Fundador e Presidente do APO Group, Nicolas Pompigne-Mognard.

 

Sobre a ACNOA

A Associação de Comités Olímpicos Nacionais de África (ACNOA) é uma organização internacional com sede em Abuja, na Nigéria, que reúne os cinquenta e quatro Comités Olímpicos Nacionais Africanos.

A Associação de Comités Olímpicos Nacionais de África (ACNOA) foi fundada a 28 de Junho de 1981, em Lome, no Togo.

Em Julho de 1965, o antecessor da ACNOA, o Comité Permanente do Desporto Africano (SCAS), foi fundado em Brazzaville como Comité Permanent du Sport Africain (CPSA). Consequentemente, esse título para o organismo desportivo continental mudou para o Conselho Supremo do Desporto em África (SCSA) em 14 de Dezembro de 1966 em Bamako, no Mali.

O trabalho da ACNOA inclui:

  • Incentivar a mediação e conciliação entre os Comités Olímpicos Nacionais Africanos e os governos
  • Proporcionar aos jovens atletas melhores bases para o sucesso
  • Promoção dos ideais e valores olímpicos em África
  • Participar na luta contra o doping, a corrupção e a violência
  • Trabalhar para reunir as pessoas através do desporto para construir uma África pacífica

Em 2026, África será a anfitriã dos seus primeiros Jogos Olímpicos, quando se realizarem os Jogos Olímpicos de Verão da Juventude em Dakar, no Senegal.

A ACNOA também gere programas à escala africana, tais como os Jogos Africanos, Jogos da Juventude Africana, Jogos de Praia Africanos, Campeonato ACNOA Sub-23, Torneios Olímpicos de Qualificação e Torneios Olímpicos Femininos da ACNOA.

 

Sobre o APO Group

Fundado em 2007, o APO Group é o principal serviço pan-africano de consultoria em comunicação e distribuição de comunicados de imprensa. Ajudamos organizações privadas e públicas a melhorar a sua reputação e a aumentar a equidade da sua marca nos países-alvo em toda a África.

O seu principal papel como parceiro de confiança é alavancar o poder dos meios de comunicação e construir estratégias personalizadas que permitam às organizações produzir um impacto real e mensurável em África e não só.

A confiança e o reconhecimento concedidos ao APO Group por empresas globais e multinacionais, governos e ONG inspira o grupo a melhorar continuamente a proposta de valor em África para melhor responder às necessidades dos seus clientes.

Com a parceria, o APO Group apoiará a organização ACNOA num nível mais abrangente, bem como as Associações Olímpicas individuais de todas as 54 nações africanas, ajudando-as a ganhar cobertura mediática internacional e a alcançar uma maior visibilidade.

 

O auge do desporto em África

O Movimento Olímpico representa o auge do desporto global, e a ACNOA é o órgão administrativo supremo do Movimento Olímpico em África. A organização esforça-se por mostrar o desporto como a expressão máxima da vida e da competição saudável entre as nações.

A ACNOA colabora em harmonia com os governos de todas as nações africanas, concentrando-se particularmente na criação de oportunidades para os jovens através do desporto. Ao colocar o desporto no centro da educação e da coesão social, a ACNOA ajuda a motivar e inspirar os jovens de todo o continente.

O APO Group e a ACNOA têm uma visão comum do desenvolvimento africano através do desporto, com ambas as organizações apaixonadas por prestar apoio a jovens ou pessoas desfavorecidas.

O APO Group é a agência de Relações Públicas Pan-Africana da FIFA, NBA e da Liga Africana de Basquetebol; o Principal Patrocinador Oficial da Rugby Africa; e Parceiro Oficial de muitas outras organizações desportivas proeminentes incluindo o icónico clube de futebol francês Olympique de Marseille (OM) e a primeira equipa africana da Union Cycliste Internationale (UCI) World Tour, Team Qhubeka.

O APO Group é também parceiro estratégico da Getty Images em África e estabeleceu parcerias com a Associação Internacional de Imprensa Desportiva (AIPS), a União Africana de Radiodifusão (bit.ly/3ai9qos) e a Corporação de Radiodifusão da África do Sul (SABC).

“O APO Group é o melhor naquilo que faz em termos da sua rede de meios de comunicação e experiência, e o seu histórico de apoio ao desporto em África é também excecional”.

“É um passo natural para eles juntarem-se ao Movimento Olímpico em África”.

“Estamos entusiasmados por entrar nesta parceria, pois significa uma maior visibilidade não só para as nossas associações membros, mas para todos os atletas africanos que competem no palco olímpico”.

Disse Mustapha Berraf, Presidente da ACNOA.

“Quero agradecer à ACNOA, e em particular ao Presidente Berraf, por nos dar esta maravilhosa oportunidade de nos envolvermos no desporto africano ao mais alto nível”.

“Desde o momento em que nos encontrámos, ficou claro que partilhávamos uma visão de utilização do desporto para enriquecimento da vida das pessoas em todo o continente”.

“Anseio por uma longa colaboração, onde possamos colocar o Movimento Olímpico em África na ribalta, e dar-lhe o público global que merece”.

Disse o Fundador e Presidente do APO Group, Nicolas Pompigne-Mognard.

 

Movimento Olímpico Africano – principais informações

  • 54 países africanos fazem parte do Movimento Olímpico – representando um quarto dos países participantes a nível mundial
  • Todos os 54 Comités Olímpicos Nacionais Africanos participaram nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020
  • 984 atletas africanos acreditados participaram nos Jogos Olímpicos de Tóquio, incluindo 415 mulheres e 569 homens
  • 38 atletas africanos ganharam medalhas nos Jogos Olímpicos de Tóquio
  • África tem atualmente 50 centros Olympafrica e uma Academia Olímpica Africana.

Os Centros Olympafrica dedicam-se a cuidar da juventude africana através do desporto, treinando jovens nos valores olímpicos de solidariedade, fair play e partilha. Desde a sua criação, a Fundação Olympafrica tem contribuído para a popularização dos ideais olímpicos em todo o continente africano, e a sua missão sublinha a importância que a ACNOA atribui a este projeto emblemático.

Milhões de jovens africanos beneficiam de apoio de qualidade que lhes permite florescer no seu ambiente e contribuir para a influência da juventude africana.

O plano estratégico ACNOA 2022-2025 torna possível reforçar o impacto do Movimento Olímpico na educação da juventude, na melhoria das condições de vida, e numa melhor qualidade de vida para todos graças às oportunidades oferecidas pela Fundação Olympafrica.

A ACNOA também criou uma série de eventos e programas de apoio aos atletas africanos, incluindo:

  • Um programa de desenvolvimento para proporcionar uma preparação boa para os Jogos Olímpicos de Paris 2024
  • Eventos e seminários para aumentar as oportunidades para os atletas africanos no palco global
  • Uma conferência sobre o ambiente tendo em conta os desafios do desporto e do desenvolvimento sustentável em África
  • Um conjunto completo de competições olímpicas africanas, incluindo os Jogos Pan-Africanos, os Jogos Pan-Africanos da Juventude, os Jogos de Praia e os emblemáticos Jogos Regionais

A ACNOA está também a preparar seriamente os atletas africanos para participarem nos Jogos Olímpicos de Inverno, e assinou uma parceria com a Coreia do Sul para o treino e preparação de atletas para os próximos Jogos Olímpicos de Inverno da Juventude.

 

Este é um comunicado de imprensa conjunto do APO Group e da Associação de Comités Olímpicos Nacionais de África (ACNOA) a que Mercados Africanos teve acesso e resolveu republicar devido a considerar ser um passo importante para o olimpismo em África.

 

O que achas deste comunicado? Já conhecias a ACNOA? Queremos saber a tua opinião, não hesites em comentar e se gostaste do artigo partilha e dá um “like/gosto”.

 

Ver Também:

Lewis Hamilton quer Formula 1 em África

Imagem: © 2022 APO Group 
close
pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite o seu nome aqui


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.