O grupo industrial de Singapura Olam desembolsou uma soma de 22,59 bilhões de F CFA (aproximadamente 42 milhões de dólares) em 30 de novembro de 2020 para a compra 51% da Nouvelle Société Cotonnière du Togo (NSCT).

O Governo do Togo mostrou satisfação por ter vendido 51% das ações da Companhia de Algodão do Togo a um “parceiro de renome já fortemente envolvido como comprador do algodão do Togo, cuja competência é reconhecida em vários países vizinhos é coroada de sucesso”

De acordo com o Ministro da Economia e Finanças, Sani Yaya, a Olam está comprometida em investir substancialmente no setor do algodão para duplicar a produção em 5 anos, melhorar os rendimentos dos produtores, modernizar a cadeia da produção e desenvolver a marca “algodão made in Togo”.

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite o seu nome aqui


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.