Atribuído Prémio de Cinema Merck Foundation.

Conteúdos Mostrar

Os vencedores do Prémio de Cinema Merck Foundation, “Mais do Que uma Mãe” 2021, foi anunciado hoje, dia 3 de Março de 2022, pelo CEO da Merck Foundation e pelas Primeiras-Damas Africanas, em Kinshasa, capital da República Democrática do Congo.

O lema do prémio de 2021, do qual se soube agora os vencedores, foi o de criar um filme ou docudrama que transmitisse mensagens fortes e influentes sobre como quebrar o estigma da infertilidade e dar força às raparigas e às mulheres, através da educação, em todos os níveis.

A Senadora, Dr.ª Rasha Kelej, CEO da Merck Foundation, Presidente da campanha “Mais do Que uma Mãe” que fez a apresentação do prémio enfatizou:

“Estou extremamente feliz em anunciar hoje os vencedores do Prémio de Cinema Merck Foundation “Mais do Que uma Mãe” 2021 em parceria com as Primeiras-Damas Africanas. Muitos parabéns a todos os vencedores. Agradeço os esforços dos jovens talentos de toda a África nos seus filmes, através dos quais eles transmitiram mensagens importantes de acordo com o lema do prémio”.
“Acredito firmemente que todas as formas de arte, incluindo o cinema, podem desempenhar um papel significativo na mudança de cultura na sociedade, no mundo”.
“O nosso objectivo era utilizar esse meio para encorajar cineastas promissores e novos talentos em todo o continente a criar filmes de curta ou longa-metragem, documentário dramático ou docudrama, transmitindo mensagens para quebrar o estigma da infertilidade ou empoderar a Educação das Meninas em todos os níveis”.

 

Quem foram os vencedores?

No Primeiro Lugar em língua inglesa foram atribuídos 2 prémios:

Sharon Kavhu and Hatite Hoabeb, da Namibia com o filme “Matumaini”.

 

Emulo Kgomotso, do Botswana com o film “3 in 5”.

 

Em Segundo Lugar em língua inglesa o vencedor foi:

Nanmet Anthony, da Nigéria com o filme “Future Present”.

 

O Primeiro Lugar em língua francesa foi atribuído a:

Doux-mignon MALOBA, da República Democrática do Congo, com o filme “Le défi de Mariana”.

 

O Prémio

O Prémio de Cinema Merck Foundation “Mais do Que uma Mãe” foi lançada em 2017 e viu a sua continuação em 2019 e no ano passado, 2021, nesse ano houve duas categorias para o prémio: Inglês e Francês.

Durante a apresentação dos vencedores, a Senadora, Dr.ª Rasha Kelej anunciou que também será realizado este ano de 2022 e acrescentou:

“Gostaria também de anunciar o Convite à apresentação de Candidaturas para a nova edição do Prémio Merck Foundation “Mais do Que uma Mãe” 2022. Estou ansiosa das inscrições dos nossos cineastas africanos e estudantes de instituições cinematográficas este ano também”.
“No entanto, este ano, gostaria de enfatizar que o lema em 2022 visa abordar uma gama mais ampla de temas, como: Quebrar o Estigma da Infertilidade, Apoiar a Educação das Raparigas, Acabar com o Casamento Infantil, Acabar com a Mutilação Genital Feminina, Acabar com a Violência Baseada no Género e Aumentar a Força das Mulheres em todos os níveis”.
“Cineastas e jovens talentos de África, é hora de mostrar o vosso talento e contribuir para fazer a diferença na sociedade com os vossos filmes únicos com mensagens fortes e relevantes sobre questões críticas e delicadas que enfrentamos no nosso continente. Seja a voz dos sem voz, quebre o silêncio e vamos todos dar as mãos para criar uma mudança cultural”.

 

Quem se pode candidatar?

Todos os Cineastas Africanos, Estudantes de Instituições de Formação Cinematográfica ou Jovens Talentos de África são convidados a criar e partilhar Filmes de curta ou longa-metragem, seja drama, documentário ou docudrama para transmitir mensagens fortes e influentes para abordar qualquer uma das seguintes questões sociais, tais como:

“Quebrar o Estigma da Infertilidade, apoiar a Educação das Raparigas, acabar com o Casamento Infantil, Acabar com a Mutilação Genital Feminina, Acabar com a Violência Baseada no Género e Aumentar a Força das Mulheres em todos os níveis”.

Os trabalhos, tem de ser submetidos até 30 de Julho de 2022. Os candidatos, tem que partilhar os filmes através de links do YouTube para o e-mail submit@merck-foundation.com, e colocar no corpo da mensagem um breve resumo sobre o tema que estiver a abordar.

O assunto do email deve ser: Prémio de Cinema Merck Foundation “Mais do Que uma Mãe” 2022, trm também que mencionar o seu nome, nome da instituição (se for o caso), país, e dados de contacto para resposta.

O prémio será de 1000 dólares, por cada categoria/língua e está aberto a 4 línguas, o inglês, o francês, o português e o árabe.

O comité de selecção pode decidir premiar mais de um vencedor por categoria, com base na qualidade dos trabalhos apresentados.

 

A Fundação Merck Mais do Que uma Mãe

“Merck Foundation More Than a Mother” é um movimento forte que visa dar vós às mulheres com infertilidade por meio do acesso à informação, educação e mudança de mentalidades.

Esta campanha poderosa apoia os governos na definição de políticas para melhorar o acesso a soluções de cuidados de fertilidade regulamentadas, seguras, eficazes e equitativas.

Define intervenções para quebrar o estigma em torno de mulheres com infertilidade e aumenta a consciencialização sobre a prevenção da infertilidade, gestão e infertilidade masculina.

Em parceria com as Primeiras-Damas africanas, Ministérios da Saúde, Informação, Educação & Género, decisores políticos, sociedades internacionais de fertilidade, média e arte, a iniciativa também oferece treinamento para especialistas em fertilidade e embriologistas para construir e aprimorar a capacidade de cuidados de fertilidade em África e em países em desenvolvimento.

 

Quem é a Merck Foundation?

A Merck Foundation, criada em 2017, é o braço filantrópico da Merck KGaA Alemanha, e tem como objectivo melhorar a saúde e o bem-estar das pessoas e aprimorar as suas vidas através da ciência e da tecnologia.

Os seus esforços são focados principalmente na melhoria do acesso a soluções de saúde de qualidade e equitativas em comunidades carentes, construindo saúde e capacidade de pesquisa científica em STEM (ciência, tecnologia, engenharia e matemática) com foco especial em mulheres e jovens.

 

O que achas deste prémio? Vais ser um dos cineastas a candidatar-se? Queremos saber a tua opinião, não hesites em comentar e se gostaste do artigo partilha e dá um “like/gosto”.

 

Ver Também:

Racismo na fronteira é a vergonha da Ucrânia

Imagem: © 2020 Rasha Kelej / Flickr
pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite o seu nome aqui


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.