BAD e AFD: 2 mil milhões de euros para projetos.

O Grupo Banco Africano de Desenvolvimento e a Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD) assinaram na quarta-feira, 10 novembro 2021, um acordo de cofinanciamento e parceria para reforçar as suas relações e potenciar recursos adicionais para projetos com impacto em África, segundo comunicado da AFD, lido por Mercados Africanos, esta sexta-feira, 12 novembro 2021

O acordo que foi assinado em Paris, pelo Presidente do BAD Akinwumi A. Adesina, e o Diretor Geral da AFD, Rémy Rioux, tem uma duração de cinco anos, de 2021 a 2026 e visa um montante indicativo (2 mil milhões de euros) em cofinanciamento durante os seus primeiros três anos.

Segundo Akinwumi Adesina, “este acordo que assinamos hoje é especial porque a AFD é um dos nossos parceiros mais importantes. Conseguimos muito trabalho em conjunto e sei que continuaremos a fazer coisas boas para África; estou entusiasmado com o futuro”.

Por seu lado, Rémy Rioux afirmou: ” Os bancos públicos de desenvolvimento ativos no continente têm um papel fundamental a desempenhar no financiamento da recuperação pós-Covid em África; temos de reforçar as nossas parcerias, reunindo recursos financeiros e conhecimentos especializados, alinhando os nossos objetivos e procedimentos, para sermos mais eficientes e responder às necessidades dos nossos clientes”.

E acrescentou: “Este é o espírito do acordo de cofinanciamento que tenho muito prazer em assinar hoje com o meu querido amigo Akinwumi Adesina e o nosso parceiro de longa data, o Banco Africano de Desenvolvimento. Vamos fazer ‘Financiamento em Comum’”.

O Banco Africano de Desenvolvimento é o quarto maior parceiro financeiro da Agência Francesa de Desenvolvimento e o seu maior parceiro entre os bancos multilaterais regionais. A AFD, por sua vez, é o maior parceiro financeiro bilateral do Banco.

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite o seu nome aqui


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.