Cabo Verde: Água no Fogo pela mão do PM.

A ilha do Fogo em Cabo Verde, viveu este, Sábado, 30 de Abril de 2022, um dia importante para população de Campanas de Cima, que viu inaugurada a 2ª Fase da Rede de Adução de Água e Ligação Domiciliar que cobre as zonas altas/norte de S. Filipe, pelo primeiro-ministro e chefe do governo cabo-verdiano, Ulisses Correia e Silva.

 

Água no Fogo

A inauguração deste subsistema de abastecimento de água potável para a ilha do Fogo ocorreu em Campanas de Cima, onde se inicia o abastecimento que vai desde Lomba a Ponta Verde de Cima, passando por Aleixo Gomes, Velho Manuel, Domingos Ledo, Ribeira Filipe, Monte Preto e Campanas de Cima.

Recorde-se que os trabalhos da extensão da rede de adução de água a partir da localidade de Domingos Ledo na ilha do Fogo, decorrem desde Agosto de 2021, passando pelas localidades de Ribeira Filipe e Monte Preto até Campanas de Cima.

O projecto de abastecimento de água às populações das comunidades da zona norte alta de São Filipe, desde Inhuco até Campanas de Cima, cobrindo outras comunidades importantes como Curral Grande, Italiano, Lomba, Mira-Mira, Velho Manuel, Domingos Ledo, Ribeira Filipe, Monte Preto e Campanas de Cima, foi executado por fases.

Este projecto prevê a ligação domiciliária de água a 250 famílias de baixa renda das comunidades de Ribeira Filipe, Monte Preto e Campanas de Cima da ilha do Fogo.

Durante a inauguração, o primeiro-ministro Ulisses Correia e Silva disse:

“Concluímos assim um processo de obras executadas nos últimos 2 anos, na ordem dos ‪150.000 contos, que permitirão o acesso à água potável a cerca de 1.200 famílias, perto de 5.000 habitantes do Concelho de São Filipe”.

“Elevamos a taxa de cobertura da população com água canalizada para cerca de 98%, em toda a Ilha do Fogo”.

“Vamos continuar com mais investimentos no setor da água na ilha, com prospeções de água subterrânea que irão iniciar com a Empresa Água Brava, com a execução de 5 Furos profundos”.

“2 dos furos são na Zona Norte, 2 na Zona Sul e 1 em Chã das Caldeiras, para que todas as localidades da ilha do Fogo, possam ter maior disponibilidade de água”, anunciou ainda o primeiro-ministro.

Além deste projecto, por ocasião das festas do dia do Município e da bandeira de São Filipe estão previstas inaugurações de outras infra-estruturas como estradas, ruas, parque infantil de Santa Luzia e lançamento de algumas obras.

 

Conclusão

Com a conclusão da rede de adução, na ilha do Fogo quase todas as comunidades da zona norte alta passam a dispor de rede pública de abastecimento de água potável para o consumo humano, concluindo-se assim mais uma etapa para levar água potável a todas as ilhas de Cabo Verde.

 

O que achas desta inauguração? É importante levar não só água à ilha do Fogo, mas também a todas as ilhas de Cabo Verde? Queremos saber a tua opinião, não hesites em comentar e se gostaste do artigo partilha e dá um “like/gosto”.

Imagem: © 2022 Governo de Cabo Verde
close
pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite o seu nome aqui


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.