Compacto Lusófono procura consultor.

O Banco Africano de Desenvolvimento (BAD) tem um programa de investimentos para os Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP). intitulado “Compacto Lusófono”.

Este programa  ̶  que tem uma garantia de Portugal de 400 milhões de euros  ̶  parece agora ter arrancado definitivamente já que o BAD procura um Consultor de Investimentos.

O ano passado (2021) o presidente do BAD tinha afirmado:

“Orgulhamo-nos de dar oportunidades iguais a todos, mas há grupos importantes, como os PALOP, que têm de ser incluídas, e quero garantir que os lusófonos sintam que estão a ter o tratamento que merecem”.

O grande objetivo deste programa de investimentos é “reduzir o risco de investimento”, apontou Adesina, salientando que vários países, como Angola, Moçambique ou Cabo Verde, têm uma dívida elevada e, portanto, as empresas que invistam nesses países pagam mais pelo financiamento devido ao risco de não pagamento dos compromissos financeiros.

Recorde-se que o Compacto Lusófono foi criado em 2018 pelo BAD com o apoio de Portugal, com o objetivo de potenciar os investimentos nos países lusófonos mediante a garantia financeira de Portugal, que permite reduzir o risco financeiro do investimento e assim potenciar o interesse dos investidores.

O programa visa promover o investimento privado nos PALOP e o desenvolvimento de projetos estruturantes, englobando vários instrumentos para a mitigação de riscos e a alavancagem de recursos privados, bem como a eventual prestação de assistência técnica institucional.

 

O que achas deste programa? É Importante? Queremos saber a tua opinião, não hesites em comentar e se gostaste do artigo partilha e dá um “like/gosto”.

close
pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite o seu nome aqui


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.