Conheça o Povo Dogon do Mali.

Conhece os Dogon? Não? Então vai ficar a conhecer.

África é um dos continentes, ainda com alguns povos que mantêm as suas culturas intactas ou quase.

Apresentamos numa série de vários artigos alguns povos (mas muito poucos) de África que conseguiram preservar as suas culturas intactas durante séculos.

Em áreas remotas e planícies ricas do continente, existem grupos de pessoas que continuam a viver pacificamente, sem depender de nenhuma das invenções que o mundo moderno tanto valoriza.

Trazemos aos nossos leitores algumas dessas comunidades cujas tradições, costumes e modo de vida têm resistido surpreendentemente ao teste do tempo e à força arrebatadora da modernização.

Embora discutível para uns, não podemos deixar de reconhecer a coragem dos que continuam a viver da maneira que os seus antepassados viveram há gerações.

 

Os Dogon

O povo Dogon do Mali tem uma história rica e acredita-se que sejam descendentes dos antigos egípcios.

São famosos pelo seu conhecimento astronómico e sabedoria que datam de 3200 A.C.

Surpreendentemente, o Povo Dogon conhecia a Sirius, a estrela mais brilhante do céu, e o seu respetivo sistema de três estrelas (Sirius A, Sirius B e Sirius C) muito antes de os cientistas começarem a contemplar a sua existência e sabiam que a Sirius B era invisível a olho nu e que tinha um período orbital de 50 anos.

Permanece um mistério como esse Povo inteligente possui uma sabedoria astronómica tão surpreendente que eles partilhavam com os Antigos Egípcios, que também tinham conhecimento sobre a Sírius, e consideravam este sistema estrelar uma parte importante das suas origens, pois acreditavam que foi daí que vieram alguns dos seus deuses.

Os Dogon também são famosos pelas suas danças com máscaras, esculturas de madeira e arquitetura.

A sua arte milenária consiste principalmente de esculturas e gira em torno de valores religiosos, ideais e liberdades.

As esculturas Dogon não são feitas para serem vistas publicamente e estão geralmente escondidas dos olhos do público dentro das casas de famílias, santuários ou mantidas em lugares sagrados. A importância do sigilo deve-se ao significado simbólico por trás de cada peça e do processo pelo qual são feitas.

Como muitas sociedades africanas, os Dogon são agricultores, cultivam milho, sorgo e arroz, bem como amendoim, cebola e tabaco.

Hoje, existem aproximadamente entre 400.000 e 800.000 pessoas do Povo Dogon no Mali.

 

O que pensas sobre isto, é interessante, não é? E o que dizem os nossos leitores que conhecem o Mali? Querem acrescentar algo? Dá-nos a tua opinião, não hesites em comentar e se gostaste do artigo dá um “like (gosto)”.

 

Veja Também:

Conheça os Tuaregues, guerreiros do Saara

Conheça os Wodaabe do Níger e Chade

Conheça os Massai do Quénia

Conheça o Povo San do Kalahari

Conheça os Pigmeus da África Central

Conheça o Povo Turkana do Quénia

Conheça o Povo Himba da Namíbia

close

VAMOS MANTER-NOS EM CONTACTO!

Gostaríamos de lhe enviar as nossas últimas notícias e ofertas 😎

Não enviamos spam! Leia a nossa política de privacidade para mais informações.

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite o seu nome aqui


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.