Conheça os Massai do Quénia.

Conhece os Massai? Não? Então vai ficar a conhecer.

África é um dos continentes com alguns povos que ainda mantêm as suas culturas intactas ou quase.

Apresentamos numa série de vários artigos alguns destes povos de África (mas muito poucos) que conseguiram preservar as suas culturas intactas durante séculos.

Em áreas remotas e planícies ricas do continente, existem grupos de pessoas que continuam a viver pacificamente, sem depender de nenhuma das invenções que o mundo moderno tanto valoriza.

Trazemos aos nossos leitores algumas dessas comunidades cujas tradições, costumes e modo de vida têm resistido surpreendentemente ao teste do tempo e à força arrebatadora da modernização.

Embora discutível para uns, não podemos deixar de reconhecer a coragem dos que continuam a viver da maneira que os seus antepassados viveram há gerações.

 

Os Massai

Os Massai são, indiscutivelmente, um dos povos africanos mais famosos e conhecidos no Mundo inteiro e apareceram em inúmeras revistas e filmes em todo o mundo e são o assunto de uma infinidade de documentários.

A sua cultura, tradições e trajes distintos tornaram-nos queridos pelo mundo há muito tempo e são como um íman turístico, sobretudo no Quénia.

Os Massai habitam o norte, centro e sul do Quénia e o norte da Tanzânia. Eles estão entre as populações locais mais conhecidas internacionalmente devido também a residirem tradicionalmente perto de muitos parques de reservas animais visitados por turistas do mundo inteiro.

Vários programas de visitas aos Parques incorporam visitas guiadas pelos próprios Masai ao seu modo de vida tradicional dos Massai como uma atividade económica.

Os Massai falam a língua Maa da grande família de linguística nilótica e segundo o recenseamento de 2019, no Quénia, contavam-se 1.189.522, em comparação com 377.089 no censo de 1989.

Um povo de guerreiros ferozes, os Masai, opuseram-se à escravidão com armas na mão e nunca toleraram o tráfico de seres humanos.

Aos negociantes em busca de pessoas para escravizar, era-lhes dito de evitarem a região dos Massai.

Todo o modo de vida do povo Massai gira historicamente em torno do seu gado, que eles acreditam ter-lhes sido dado pelo seu deus, Ngai.

Sendo a coisa mais valiosa que possuem, o gado fornece alimento e é também uma forma de poupança e riqueza.

Os Massai têm resistido ao apelo dos governos da Tanzânia e do Quénia para adotar um estilo de vida mais sedentário, mas antes pelo contrário exigiram e conseguiram direitos de pastagem para o seu gado nos muitos dos parques nacionais em ambos os países.

 

Origem

Segundo os historiadores, os Massai emigraram do Sudão no século XV, estabelecendo-se no Quénia e na Tanzânia ao longo do Vale do Grande Rift.

Os tarjes tradicionais dos Massai são tão fascinantes quanto o seu estilo de vida.

Os homens são conhecidos por seus “shuka” ou panos vermelhos, enquanto as mulheres deslumbram com as suas vestimentas vermelhas conhecidas como “kanga”, tradicionalmente complementadas com contas e colares elaborados e coloridos.

A cor vermelha é um símbolo de cavalheirismo e bravura no seio do Povo Massai.

Esperamos que este breve artigo lhe dê vontade de ler e conhecer muito mais da cultura e sociedade do Povo Massai.

 

O que pensas sobre isto, é interessante, não é? Já tinha ouvido falar dos Massai? Dá-nos a tua opinião, não hesites em comentar e se gostaste do artigo partilha e dá um “like/gosto”.

 

Veja Também:

Conheça os Tuaregues, guerreiros do Saara

Conheça os Wodaabe do Níger e Chade

Conheça o Povo San do Kalahari

Conheça os Pigmeus da África Central

Conheça o Povo Dogon do Mali

Conheça o Povo Turkana do Quénia

Conheça o Povo Himba da Namíbia

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite o seu nome aqui


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.