Margaret Keenan, agora com 91 anos, foi a primeira paciente do Reino Unido a receber a vacina promissora desenvolvida pela empresa norte-americana Pfizer e pela start-up alemã BioNTech a 8 de dezembro no Coventry University Hospital.

Governo Britânico espera que a campanha de vacinação tenha começado para assinalar o “início do fim”.

O dia foi mesmo descrito por alguns funcionários como “Dia-V” aludindo ao “Dia-D” que marca o desembarque aliado e o inicio do fim da Segunda Guerra Mundial.

As autoridades britânicas aprovaram as recomendações da Agência Reguladora Independente de Medicamentos e Produtos de Saúde (MHRA), que garante que a vacina da Pfizer-BioNTech satisfaz os critérios de segurança e eficácia para iniciar a administração esta manhã.

Esta primeira fase de vacinação abrange pessoas com mais de 80 anos, o pessoal médico e os que trabalham em lares de idosos.

De notar que, embora a eficácia da vacina seja de 95% conforme anunciado pela Pfizer após os ensaios clínicos, a duração da imunidade da vacina ou a sua capacidade de parar a transmissão do vírus ainda é desconhecida.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite aqui o seu nome


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.