Grupo africano investe 4,5 mil milhões em empresas quenianas e sul-africanas.

Presente em sete países, o banco queniano, grupo Equity (Equity Group), deseja fortalecer a sua presença em setores de alto valor agregado no continente africano.

O Equity Group financiará empresas quenianas e sul-africanas, com o objetivo de expandir as suas atividades na África.

A notícia foi relatada pelo site de notícias Business Daily do Quénia, citando James Mwangi, CEO da instituição bancária.

De acordo com a notícia, 500 mil milhões de xelins quenianos (KSH) ou 4,5 mil milhões de dólares serão desembolsados ​​para fornecer financiamento a empresas que investem ou tem atividades comerciais nestes dois países.

“Colocamos à disposição do setor privado e da comunidade empresarial cerca de 500 mil milhões de xelins para facilitar o comércio. Vamos financiar importadores quenianos ou empresas sul-africanas que desejam exportar para as regiões em que operamos ou aqueles que desejam formar parcerias na região”.

Em detalhe, quase 100 mil milhões de KES, ou 900 de dólares deste financiamento, virão de instituições de desenvolvimento, como o Banco Africano de Desenvolvimento (BAD), enquanto o restante será financiado por depósitos de clientes do Equity Bank

Os créditos irão especificamente para empresas de manufatura, construção, saúde e investimentos. O objetivo é facilitar a agregação de valor por meio do processamento e embalagem.

Recorde-se que o grupo queniano decidiu implementar uma estratégia de expansão com o objetivo de fortalecer as suas atividades dentro e além dos sete países onde está presente.

Em maio de 2021, a estrutura financeira mobilizou 9 milhões de dólares para a compra de 7,7% do capital da Equity Bank Congo a partir do banco de desenvolvimento alemão KFW.

A Equity Group Holdings Limited (EGHL), anteriormente Equity Bank Group, é um grupo de serviços financeiros com sede na região dos Grandes Lagos. A sede da EGHL está localizada em Nairóbi, Quénia, com subsidiárias no Quénia, Uganda, Tanzânia, Sudão do Sul, Ruanda, República Democrática do Congo e um escritório de representação na Etiópia

EGHL é o maior conglomerado de serviços financeiros da África Oriental e Central. Em agosto de 2021, tinha ativos superiores a 1,119 triliões de xelins quenianos (KSH) ou seja, (10,1 mil milhões de dólares).

O grupo também tinha mais de 14 milhões de clientes em seis países dos Grandes Lagos africanos, com 790,6 mil milhões de xelins quenianos (KSH) ou seja (7,61 mil milhões de dólares) em depósitos.

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite o seu nome aqui


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.