Grupo CDC investe 60 milhões de dólares para promover acesso a crédito 

O Grupo CDC uma instituição financeira de desenvolvimento (DFI) do Reino Unido – financiada pelo Governo Britânico – e investidor de impacto, anunciou um compromisso de 60 milhões de dólares como parte da sua estratégia de apoio a fundos de crédito privado africano, que visa colmatar no mercado de crédito, uma lacuna de financiamento para as empresas africanas médias, cuja situação foi agravada pela crise da Covid-19.

Num comunicado de imprensa publicado nesta terça-feira, 14 de setembro 2021, e a que teve acesso Mercados Africanos o CDC indica que este compromisso cobre dois investimentos, a saber, um investimento de 30 milhões de dólares a favor do Vantage Mezzanine Fund IV, administrado pela Vantage Capital, uma gestora de fundos Pan-Africana bem estabelecida; e um investimento de 30 milhões de dólares no BluePeak Private Capital Fund I, o primeiro fundo do BluePeak.

Os fundos devem permitir aos destinatários aumentar a oferta de crédito a empresas africanas médias, ao proporcionar financiamento adaptado às necessidades do mercado.

Estes são os primeiros investimentos de fundos no âmbito da estratégia de fundos de crédito privado africano do CDC.

Para a diretora executiva do CDC e chefe de fundos de private equity, Clarisa De Franco, “esses investimentos demonstram o compromisso do CDC em desempenhar um papel de ancoragem no sucesso e na escala das empresas africanas de médio porte, graças a diferentes instrumentos”.

“Além disso”, continuou ela, “estamos confiantes de que os nossos parceiros ajudarão as empresas a investir em maior crescimento, gerando retornos favoráveis ​​que motivarão os investidores comerciais a investir no nascente mercado de crédito privado de África, enquanto observamos o seu crescimento como uma classe de ativos promissora. “

Por seu lado Jo Fry, diretora de investimentos e chefe de crédito intermediário, considerou que: “Os nossos investimentos na Vantage Capital e BluePeak Private Capital apresentam uma oportunidade de obter capital onde é mais necessário. As empresas em África frequentemente enfrentam desafios significativos para obter acesso a financiamento e a pandemia restringiu ainda mais a disponibilidade de capital nesses mercados”.

“Estamos entusiasmados por apoiar o desenvolvimento contínuo do setor de crédito privado”, sublinhou ela, que acrescentou: “Isso pode preencher uma lacuna de financiamento com capital de dívida para empresas de médio porte cujas necessidades de financiamento e a sua dimensão as exclui do acesso ao crédito de bancos tradicionais.”

Com esta ação, o Fundo Africano de Crédito Privado do CDC procura atrair mais investidores comerciais para os mercados africanos, o que por sua vez ajudará a desenvolver plataformas de dívida privada confiáveis ​​e de longo prazo, que podem facilitar o crescimento económico, empregos e o desenvolvimento sustentável em todo o continente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite aqui o seu nome


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.