“Vamos ter reuniões hoje com seis ministérios”, disse à imprensa o ministro das Finanças João Fadiá, salientando que estão também previstos encontros com o setor privado e com bancos ao referir-se à visita de trabalho iniciada ontem (14/12), a convite do Governo, do diretor-geral do Banco Árabe para o Desenvolvimento Económico de África (BADEA), Sidi Ould Tah, para identificar projetos para financiamento.

O ministro das Finanças salientou que esta visita tem como objetivo “relançar a cooperação com o nosso país e é nesse quadro que ele cá está” acrescentando que o BADEA já tem contribuído para o financiamento de projetos de desenvolvimento no país, incluindo a construção de estradas, porto de Bissau e aquisição de geradores para a Empresa de Eletricidade e Águas da Guiné-Bissau.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite aqui o seu nome


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.