IDE triplica e atinge 88 mil milhões de dólares em 2021.

Durante 2021, os fluxos de Investimento Direto Estrangeiro (IDE) para África cresceram 147%. É o que indica a Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento (CNUCED) NO seu novo relatório sobre investimentos estrangeiros no mundo.

O total para a região triplicou, também devido a uma única transação financeira na África do Sul no segundo semestre de 2021, lê-se no relatório Monitor das Tendências de Investimento, divulgado nesta quarta-feira, 19 de Janeiro de 2022, pela CNUCED, sediada em Genebra, Suíça.

A África subsaariana teve uma evolução positiva e o investimento acelerou para 88 mil milhões de dólares no ano passado (2021), face aos 32 mil milhões de dólares, em 2019, e os 29 mil milhões de dólares em 2020, baixa esta devido à pandemia.

Ainda segundo o mesmo relatório, o IDE global recuperou fortemente em 2021, mas a recuperação foi altamente desigual.

“Os fluxos globais de IDE mostraram uma forte recuperação em 2021, com um aumento de 77%, para um valor estimado de 1,65 trilião de dólares, face aos 929 mil milhões em 2020, superando o nível pré-Covid-19”.

No entanto a CNUCED sublinha que “as economias desenvolvidas tiveram o maior aumento, cerca de 777 mil milhões em 2021 – três vezes o nível de 2020.

Os fluxos de IDE nas economias em desenvolvimento aumentaram 30% com uma aceleração do crescimento no leste e sudeste da Ásia (+20%), uma recuperação para níveis próximos da pré-pandemia na América Latina e no Caribe e um aumento na Ásia Ocidental.

Do aumento total dos fluxos globais de IDE em 2021 quase três quartos, foram registados nas economias desenvolvidas, ao passo que as economias em desenvolvimento, especialmente os países menos desenvolvidos, tiveram um crescimento de recuperação mais modesto.

 

O que achas da recuperação económica? Vês resultados no teu país? Queremos a tua opinião, não hesites em comentar e se gostaste do artigo partilha e dá um “like/gosto

close
pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite o seu nome aqui


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.