Iwaria, o novo banco de imagens reais e positivas da África quotidiana

Encontrar imagens livres de direitos, reais e positivas de africanos em situações quotidianas para ilustrar documentos é um desafio para os criadores de conteúdo africanos.

E isto, apesar de no final de 2019, o Google ter conduzido uma auditoria de diversidade para garantir que representa autenticamente os seus utilizadores, especialmente aqueles de comunidades tradicionalmente desfavorecidas.

Dois inovadores do Benim criaram Iwaria, um banco de imagens específico para a África, continente sub-representado e “estereotipado” nas plataformas existentes.

Iwaria, o primeiro banco de imagens dedicado a África, oferece fotos autênticas e de alta qualidade da vida cotidiana no continente. As fotos cobrem áreas como trabalho formal e informal, natureza, culturas, alimentação, start-ups e muito mais.

Por enquanto o acesso é gratuito e com licença CC0 “Creative Commons Zero” (Dedicada a Domínio Público), que ajuda os criadores a encontrar obras de arte para qualquer tipo de projeto, incluindo blog, pintura digital, design gráfico ou jornalismo.

Dois jovens “designers”, Aurelle Noutahi e Basile Barrincio, são os criadores de Iwaria. A dupla empreendedora em campanha pela fotografia inclusiva desse conta, que não era fácil encontrar fotos essencialmente africanas para ilustrar uma postagem de blog ou fazer “designs” gráficos.

Basile, o diretor técnico explicou: “Quando se encontram fotos na internet, as imagens não correspondem aos contextos e ambientes africanos e os modelos não têm características físicas africanas”.

O nome da plataforma é um convite à descoberta do continente.

Iwaria é uma contração de “Iwari” que significa “Venha e descubra” na língua Ioruba, o último “A” representando a África.

“Descobrimos que África não estava à altura, com anúncios voltados para brancos e homens. Sabíamos que tinha chegado o momento de atualizar os nossos “designs” para refletir melhor o mundo em que vivemos, apresentando diversos indivíduos de uma ampla gama de comunidades “, sublinhou Basile

Para desenvolvedores da web e criadores de conteúdo africanos, a plataforma participativa Iwaria atende à necessidade de imagens contextualizadas adequadas.

Para os que nem sempre tenham os meios para organizar e pagar sessões fotográficas personalizadas, Iwaria, poderá ser a solução no dia-a-dia.

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite aqui o seu nome


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.