O Banco Europeu de Reconstrução e Desenvolvimento (BERD) e o Fundo Verde para o Clima (GCF) juntaram-se para outorgar 10 milhões de euros ao Bank of Africa, através da sua subsidiária do Magrebe Bail, o banco local que usará os recursos para financiar projetos verdes realizados por pequenas e médias empresas (PMEs) no Marrocos.

O BERD contribui com 7,5 milhões e o FVC com os restantes 2,5 milhões. Os fundos serão então emprestados a PMEs pelo Magrebe Bail , a subsidiária de leasing do Bank of Africa.

O financiamento beneficiará principalmente as PME que pretendem investir em “projetos de eficiência energética e de eficiência de recursos e desenvolver a sua participação em cadeias de valor regionais”.

“As soluções verdes implantadas ajudarão as PMEs a aumentar sua competitividade e terem acesso a novos mercados. As soluções propostas incluem a adoção de tecnologias verdes que permitirão às PMEs marroquinas obter maior produtividade e, ao mesmo tempo, reduzir o consumo de energia ”, disse o BERD.

O banco com sede em Londres faz parte do programa Green Value Chain (GVC) em Marrocos.

A iniciativa centra-se no apoio ao investimento das PME em eficiência energética e projetos de valor acrescentados.

O programa GVC é apoiado pelo GCF, pela União Europeia (UE) e pelo governo sul-coreano.

 

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite o seu nome aqui


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.