Níger: Britânicos constroem parque eólico.

A britânica Savannah Energy assinou nesta segunda-feira, 28 de Março de 2022, em Londres, um acordo com o governo da República do Níger para um parque eólico de 250 MW, que será o primeiro desse país a ser construído.

 

O parque eólico

O acordo com o Ministério do Petróleo, Energia e Energias Renováveis da República do Níger prevê a construção e operação do Parc Eolien de la Tarka.

O parque será construído com base em um produtor independente de energia (IPP) na região de Tahoua, no sul do Níger.

Espera-se que o projeto seja sancionado em 2023, com a primeira geração de energia em 2025 e propriedade de uma subsidiária da Savannah, Savannah Parc Eolien de la Tarka (SPET).

 

Até 60 turbinas eólicas

A fase inicial do projeto prevê que a SPET realize um estudo de viabilidade de 24 meses que incluirá uma avaliação para confirmar as condições do vento e uma avaliação de como a energia gerada seria incorporada às redes elétricas nacionais e regionais.

Espera-se que o projeto aproveite o desenvolvimento do West African Power Pool (WAPP), uma rede de interconexão de alta tensão que permite trocas de energia entre países da região e maior estabilidade da rede.

O Níger está programado para ser conectado ao WAPP em 2023 através de uma linha de 330 kV financiada pelos Banco Mundial, Banco Africano de Desenvolvimento, União Europeia e Agence Française de Development AFD)

 

Projeto deverá criar mais de 500 empregos

Savannah espera financiar o Projeto a partir de uma combinação dos seus próprios fluxos de caixa gerados internamente e dívida específica do projeto.

Sani Mahamadou, Ministro do Petróleo, Energia e Energias Renováveis, da República do Níger, disse:

“Tenho o prazer de anunciar, hoje, os nossos planos para o desenvolvimento do Parc Eolien de la Tarka”.

“Este é um projeto verdadeiramente transformador para o Níger, potencialmente aumentando significativamente a capacidade de geração de energia na rede do país”.

“Espera-se que o projeto estimule um aumento significativo da atividade económica em todo o nosso país, criando direta e indiretamente milhares de empregos ao longo da próxima década”, acrescentou ele.

 

O que achaste deste projeto? O Niger está a ficar mais verde. E o resto de África? Queremos saber a tua opinião, não hesites em comentar e se gostaste do artigo partilha e dá um “like/gosto”.

 

Ver Também:

Há mais eletricidade, no sudoeste do Níger

Imagem: © Unsplash
close

VAMOS MANTER-NOS EM CONTACTO!

Gostaríamos de lhe enviar as nossas últimas notícias e ofertas 😎

Não enviamos spam! Leia a nossa política de privacidade para mais informações.

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite o seu nome aqui


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.