Petróleo arranca em baixa esta semana.

Tal como Mercados Africanos noticiou, os preços futuros do petróleo bruto Brent – a referência para países como Angola, Nigéria, Gabão, Guiné Equatorial – atingiram, em Londres, a 7 de Março de 2022, 130,89 dólares por barril, o preço mais alto em 14 anos, fixado a 22 de Julho de 2008.

Com as sanções económicas e financeiras, há menos petróleo russo no mercado global e até agora a OPEP+ do qual faz parte a Rússia não indicaram que iriam aumentar a produção para minimizar o fornecimento de crude a nível mundial e assim evitar a subida vertiginosa do petróleo e dos derivados, como a gasolina e o gasóleo.

No entanto o ministro angolano dos Recursos Minerais, Petróleo e Gás, Diamantino Azevedo, pediu cautela e parece ter razão.

No espaço de uma semana, o Brent desceu de 130 dólares/barril para 104 dólares, ou seja, uma redução de mais de 25 dólares, num mesmo mês.

Segundo analistas da agência Reuters estas descidas imprevistas nos preços coincidem com a esperança numa possível negociação do conflito Rússia – Ucrânia.

Esta descida também se relaciona com a pressão dos EUA em baixar os preços do petróleo para evitar a inflação crescente na economia mundial e os custos nos rendimentos familiares e das empresas devido ao aumento do preço da gasolina e gasóleo

De acordo com os índices e variações registadas pelo petróleo Brent, referência às exportações de Angola, Nigéria, Gabão, Guiné Equatorial a redução ficou à volta de 8,0 dólares ou seja mais de 7,0 por cento.

No mercado de futuros de Londres houve uma baixa significativa, com o barril do Brent a cair dos 112,67 dólares para 104,5 dólares na abertura da semana, esta segunda-feira, 14 de Março de 2022.

Esta tendência mantém a volatilidade que caracteriza as negociações do petróleo, e daí as reservas do ministro do petróleo de Angola.

As negociações deste mês de Março reportam às entregas para Maio e, até ao momento, considerando o período de 14 de Fevereiro a 14 de Março, o preço médio apurado fixou-se nos 104,70 dólares, numa variação de 11,80 por cento. O valor mais alto ficou-se nos 139,13 dólares e o mais baixo em 90,12 dólares. A diferença entre ambos é de 49,01 dólares.

 

O que achas desta flutuação dos preços do Petróleo? E do aumento dos preços do gasóleo e da gasolina? Queremos saber a tua opinião, não hesites em comentar e se gostaste do artigo partilha e dá um “like/gosto”.

Imagem: © 2022 Francisco Lopes-Santos
close

VAMOS MANTER-NOS EM CONTACTO!

Gostaríamos de lhe enviar as nossas últimas notícias e ofertas 😎

Não enviamos spam! Leia a nossa política de privacidade para mais informações.

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite o seu nome aqui


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.