Portos marroquinos vão ter energia limpa.

A fim de otimizar o consumo de energia, a Agência Nacional Portuária (ANP) anunciou a instalação de sistemas fotovoltaicos nos portos sob a sua responsabilidade para fornecimento, instalação e colocação em serviço de 120 lâmpadas de rua fotovoltaicas nos portos de Marrocos.

Os portos marroquinos vão deste modo, apostar nas energias renováveis para otimizar o seu consumo de eletricidade.

É com este propósito que a Agência Nacional Portuária (ANP) está a trabalhar para implementar projetos em linha com a eficiência energética e promover as tecnologias de iluminação e de gestão inteligente da rede elétrica.

O objetivo é avaliar o nível de desempenho energético, analisar os problemas, as suas causas e propor ações corretivas. Do mesmo modo, serão reavaliadas as necessidades dos portos em termos de energia elétrica e o seu modo de gestão.

De acordo com o jornal online Aujourd’hui Maroc, os portos marroquinos vão apostar nas energias renováveis para otimizar o seu consumo de eletricidade.

As energias renováveis encontram-se numa fase de rápido desenvolvimento em todo o mundo. Perante o desafio energético, é urgente reinventar os portos, pois são um terreno favorável para a transição energética. Esta preocupação requer a transformação das infraestruturas energéticas nos portos para que possam ser abastecidas com energia limpa.

O processo será acompanhado por uma análise do impacto económico, financeiro e ambiental da introdução das energias renováveis e incluirá a quota de energia consumida, os ganhos energéticos (KWh/ano), os ganhos financeiros (DH/ano), o potencial para reduzir as emissões de CO2, a gama de custos de investimento, assim como o retorno do investimento.

A ANP afirma estar a fazer da eficiência energética uma das suas maiores preocupações para participar nos esforços de Marrocos para diversificar as fontes de energia e assim optar pelas energias renováveis.

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite o seu nome aqui


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.