Preços do Cobre e do Ouro: O Barómetro Ómicron.

Se quer verdadeiramente saber qual a situação real do impacto da variante Ómicron, veja diariamente como variam os preços de dois metais: o Cobre e o Ouro. E explicamos porquê.

As flutuações dos preços do cobre são consideradas um bom indicador do estado da economia mundial e quando baixam significa que algo vai mal.

Quanto ao ouro, a sua procura cresce em tempos de crise, à medida que os investidores o usam para proteger seus haveres, já que perdem confiança nos investimentos nas bolsas

O preço do cobre para entrega em três meses caiu 2,1%, para 9.596 dólares por tonelada, nesta sexta-feira, 26 de novembro 2021, em Londres,

O ouro, por sua vez, subiu 0,9%, sendo negociado a 1.805,26 dólares por onça.

Essas várias flutuações ocorreram um dia após a confirmação da descoberta de uma nova variante do coronavírus, que viria a ser conhecida por Ómicron, na África do Sul.

“Os mercados temem que esta nova variante possa pesar mais na economia do que a variante Delta descoberta há um ano e isso estimulou alguma procura para usar o ouro como um refúgio seguro”, disse Peter Fertig, analista da Quantitative Commodity Research.

É importante destacar que esse é o mesmo motivo que explica a queda do cobre, pois o mercado teme que uma nova desaceleração da economia mundial, associada às dificuldades da economia chinesa, leve a uma queda prolongada de procura do metal vermelho.

No entanto um corretor de Singapura sublinhou “Acho que ainda é cedo para realmente ver se há um impacto no lado da atividade dos metais”, citado pela Reuters.

Recorde-se que o cobre teve um forte crescimento desde o ano passado, alimentado pela recuperação da economia chinesa, atingindo mais de 10.000 dólares por tonelada em maio 2021. Desde então, caiu à medida que a procura diminui devido e muito à economia chinesa.

Quanto ao ouro depois de ter atingido o pico de mais de 2.000 dólares por onça em agosto de 2020, no auge da pandemia Covid-19, o ouro também caiu, mas permanece bem acima dos níveis pré-pandêmicos.

O que pensas sobre isto? Estará a economia ameaçada pela variante Ómicron? Dá-nos a tua opinião, não hesites em comentar e se gostaste do artigo dá um “gosto/like”.

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite o seu nome aqui


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.