Quénia no processo de agroindustrialização.

No Quénia inaugurou-se a 28 de Março de 2022, uma fábrica de farinha de banana no sudoeste do país e que poderá processar cerca de 80 toneladas de bananas por dia e dependerá dos agricultores locais para o fornecimento de matérias-primas.

Graças a esta iniciativa, as autoridades do Quénia pretendem lidar com vários desafios enfrentados pelos produtores, como as perdas pós-colheita ou a instabilidade dos mercados de vendas.

Entrou também em funcionamento uma fábrica de processamento de batata-doce com uma capacidade de processamento de 100 toneladas de batata-doce por dia.

Esta unidade fabril será beneficiada pela grande oferta de matéria-prima da região, que é a segunda maior produtora de batata-doce de polpa alaranjada do país, com volume médio anual de 300 mil toneladas. Deste modo, proporcionará uma saída para os produtores e ajudará a estabilizar os seus rendimentos.

Recordamos que recentemente o conglomerado industrial Rai anunciou que iria iniciar as operações da sua nova unidade de produção de açúcar no final do primeiro trimestre deste ano (2022), localizada na cidade de Bungoma, a noroeste da capital do Quénia, Nairobi, com uma capacidade inicial de processamento de 3.000 toneladas de cana, que será duplicada para 6.000 toneladas.

O Quénia produziu 604.000 toneladas de açúcar em 2020, 37% a mais do que no ano anterior. O país consome cerca de 1 milhão de toneladas de açúcar por ano.

A cana-de-açúcar é uma das principais culturas de rendimento do país, juntamente com chá, café e outros e a indústria da cana-de-açúcar é uma importante fonte de subsistência para as comunidades ao longo da região do cinturão de açúcar no oeste do Quénia e responde por cerca de 15% do PIB agrícola.

 

O que achas deste esforço de agro industrialização? Mais países africanos deviam seguir o exemplo do Quénia? Queremos saber a tua opinião, não hesites em comentar e se gostaste do artigo partilha e dá um “like/gosto”.

Imagem: © 2013 Dave Hoisington / Wikimedia Commons
close

VAMOS MANTER-NOS EM CONTACTO!

Gostaríamos de lhe enviar as nossas últimas notícias e ofertas 😎

Não enviamos spam! Leia a nossa política de privacidade para mais informações.

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite o seu nome aqui


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.