O Banco Africano de Exportações e Importações (Afreximbank) e o Ruanda assinaram esta semana o acordo que cria o Fundo para o Desenvolvimento das Exportações Africanas (FDEA) e, ao mesmo tempo, o estabelecimento da sua sede no Ruanda.

O FDEA funciona na dependência do Afreximbank e vai facilitar os fluxos de investimento direto estrangeiro nos setores das exportações e do comércio e está dotado de 350 milhões de dólares para ajudar o setor privado no desenvolvimento e na industrialização do continente africano, assinalou o presidente do Afreximbank, Benedict Oramah, na cerimónia que decorreu no Cairo.

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite o seu nome aqui


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.