Ruanda: Resultado de uma boa liderança económica.

O Fundo Monetário Internacional (FMI) prevê que o produto interno bruto real de Ruanda tenha aumentado 10,2% em 2021, segundo um comunicado dessa instituição, datado desta terça-feira, 11 janeiro 2022, lido por Mercados Africanos e que divulgou o recente relatório de consulta às autoridades do país, bem como a revisão dos atuais programas econômicos.

Recordamos que Produto Interno Bruto (PIB) real é um indicador que permite medir a criação de valor acrescentado adicional num país, sem ter em conta a subida dos preços. Assim, podemos medir melhor a qualidade da recuperação económica dum país, que não depende apenas de fatores, como a inflação.

Segundo a instituição financeira mundial, este desempenho do Ruanda explica-se por “uma campanha de vacinação recentemente acelerada visando áreas com elevada infeção, a recuperação da procura externa, a manutenção dos apoios governamentais e os efeitos básicos da contração do crescimento. de 3,4 observados em 2020”.

Se não houver grandes mudanças, espera-se um crescimento médio de 7,2%, no Ruanda, nos próximos anos, embora esta projeção dependa, segundo o FMI, da evolução da pandemia de covid-19.

“É essencial que as autoridades continuem a implementar políticas e reformas pró-crescimento que reforcem a credibilidade do plano plurianual de consolidação fiscal, essencial para preservar a sustentabilidade da dívida e a posição externa.”
“Esses esforços devem ser complementados por medidas que visem fortalecer a gestão dos riscos fiscais ligados às empresas estatais e às parcerias público-privadas e melhorar a transparência orçamentária”, disse o FMI.

Apesar de um contexto desfavorável, sobretudo com os efeitos da pandemia, o Ruanda deve voltar a demonstrar a sua liderança em termos de governação económica em África, cuja prova disso, é o crescimento agora estimado em 10,2%, no ano findo, 2021.

 

Qual a tua opinião sobre o Ruanda? O que tem de diferente em relação aos outros países de África? Dá-nos a tua opinião, não hesites em comentar e partilhar e se gostaste do artigo dá um “like/gosto”.

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite o seu nome aqui


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.