UA: Bolsas de Estudo para liderança feminina, inscreva-se

A fim de melhorar a tomada de decisões e a representação das mulheres nas instituições públicas e privadas em África, o PNUD e a Comissão da União Africana (CUA) fizeram uma parceria para lançar a formação direcionada para a liderança e o desenvolvimento de capacidades.

O Programa de Bolsas de Estudos para Jovens Mulheres Líderes Africanas (AfYWL na sua sigla em Inglês), apoiado pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) e pela Comissão da União Africana (CUA), lançou um convite à apresentação de candidaturas para recrutar mulheres africanas para o seu segundo grupo de formação em liderança.

Pretende oferecer-lhes oportunidades nas áreas-chave da educação, emprego, empreendedorismo e envolvimento e integrá-las em áreas prioritárias do desenvolvimento.

O Programa tem como alvas cidadãs dos estados-membros da União Africana com menos de 34 anos na data da inscrição e devem ter um mestrado ou equivalente em economia, ciências políticas, administração de empresas, relações internacionais / desenvolvimento, direito, comunicações, digitalização ou outra área de desenvolvimento que lhes seja relacionado.

Devem também justificar um ano de experiência profissional relevante e remunerada em pesquisa, análise e desenvolvimento, implementação e gestão de programas / projetos.

A bolsa de 12 meses visa aumentar a liderança e representação das mulheres em instituições públicas e privadas por meio de treino em liderança direcionado ao desenvolvimento de capacidades, a fim de promover a participação de mulheres jovens em cargos de tomada de decisão.

Para isso, a formação terá como foco três pilares.

Em primeiro lugar, dotar as jovens mulheres líderes africanas com as competências de liderança e experiência necessárias para fazer avançar os Objetivos de Desenvolvimento Sustentáveis (ODS) e a Agenda 2063 e contribuir de forma eficaz para a tomada de decisões em instituições públicas, privadas e multilaterais.

Em seguida, criar um conjunto diversificado de talentos para melhorar a eficácia organizacional do PNUD e contribuir para políticas e programas mais responsivos e eficazes e, finalmente, desenvolver uma rede de jovens mulheres africanas profissionais empenhadas em promover o desenvolvimento inovador., Sustentável e inclusivo.

Para além da formação o programa cobrirá despesas relacionadas a viagens, seguro médico, acomodação, assim como um subsídio de subsistência às participantes.

Observe-se que, devido à pandemia covid-19, as viagens físicas dependerão das diretrizes recomendadas por cada escritório de recrutamento.

O prazo para o envio de inscrições é 14 de setembro de 2021. Inscreva-se aqui.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite aqui o seu nome


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.