Vodafone Egipto e Microsoft promovem competências digitais de Jovens

Vodafone Egipto e a Microsoft assinaram recentemente um Memorando de Entendimento com o objetivo de promover as competências digitais entre os jovens egípcios, segundo comunicado da Microsoft a que teve acesso Mercados Africanos

Esta colaboração pretende ajudar empreendedores, start-ups, e freelancers a encontrar emprego e talento online, especialmente no rescaldo do surto do coronavírus.

A plataforma liga empresários egípcios do mercado de trabalho a proprietários de PMEs, permitindo-lhes localizar postos de trabalho e encontrar empregados enquanto trabalham inteiramente online.

O mesmo comunicado enfatizou que neste momento crítico da expansão do covid-19, é necessário proporcionar-se mais oportunidades de emprego aos jovens e facilitar a colaboração entre proprietários de empresas, freelancers e profissionais independentes.

Este Memorando de Entendimento entre a Vodafone Egipto e a Microsoft, pretende desenvolver a colaboração entre as duas partes a fim de ajudar os jovens a obter trabalho e a aprender as competências digitais necessárias para ter sucesso no mercado de trabalho atual.

Os recém-licenciados, estudantes universitários, cidadãos desempregados, mulheres e pessoas com deficiência podem todos beneficiar das perspetivas de trabalho por conta própria do Memorando de Entendimento.

Como resultado, a economia digital irá expandir-se e a emergência de uma sociedade digital irá acelerar, permitindo aos jovens desenvolver as suas competências e capacidades e aplicá-las à sua sociedade.

“A Microsoft acredita na necessidade de aumentar as competências dos jovens e melhorar as suas capacidades digitais no mercado de trabalho competitivo, para impulsionar a transformação digital no Egipto em direção a uma economia digital baseada no conhecimento”, disse Mirna Arif, Directora Geral da Microsoft no Egipto.
“O trabalho independente está a tornar-se cada vez mais popular entre os jovens como meio de obter emprego com maior flexibilidade e vantagens, especialmente após o covid-19″, acrescentou Arif.

Por seu lado, Mohamed Abdallah, CEO da Vodafone Egipto afirmou que “A Vodafone Egipto está a concentrar-se em oferecer possibilidades de emprego para jovens e PMEs”.

“Eles são, na nossa opinião, a pedra angular do crescimento económico e o principal motor da transformação digital no Egipto”, acrescentou ele.
“Como resultado, criámos a plataforma Begin para ajudar os jovens, que representam mais de 3.000 freelancers no site, a desenvolver as suas capacidades digitais e a encontrar novas possibilidades de emprego. A Vodafone oferece um desconto de 50% pelo primeiro projeto apresentado na plataforma para inspirar e ajudar empresários e jovens proprietários de empresas”.

 

Veja Também:

Microsoft aposta numa ganesa para transformar África

Microsoft “digitaliza” 50.000 sul-africanos

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite o seu nome aqui


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.