Wave, plataforma de dinheiro móvel do Senegal obtém 200 milhões de dólares

A Wave, líder independente de dinheiro móvel no Senegal e na Costa do Marfim, anunciou nesta terça-feira, 7 de setembro 2021, que conseguiu um investimento de 200 milhões de dólares, segundo anunciou o magazine online da especialidade TechCrunch.

O processo de financiamento foi liderada por Sequoia Heritage, Founders Fund, Stripe e Ribbit. O ex-diretor do Y-Combinator Sam Altman e a Partech Africa, já investidora da Wave, também participaram.

Após este investimento, o Wave agora está avaliado em 1,7 mil milhões de dólares. Este foi o maior investimento feito numa fintech que opera exclusivamente em África.

Fundada em 2018, o Wave oferece um serviço financeiro móvel fácil de usar e radicalmente acessível.

O aplicativo Wave é semelhante ao PayPal, mas não requer uma conta bancária.

A Wave opera uma rede de agentes – pequenas e médias empresas locais – que usam dinheiro vivo para atender os seus clientes para os quais a Wave, oferece uma experiência significativamente melhor do que outros serviços de dinheiro eletrónico fornecidos por operadoras de telecomunicações:

Todos os depósitos e retiradas de dinheiro são gratuitos. Os usuários do Wave pagam apenas uma taxa de transferência de 1% para enviar dinheiro – quase 70% menos do que os serviços de dinheiro móvel das operadoras telemóveis.

Para os usuários que não tenham um smartfone, a Wave oferece um cartão QR gratuito que permite a qualquer pessoa fazer transações num agente Wave.

A Wave tornou-se o maior serviço de dinheiro móvel do Senegal, onde mais da metade da população adulta usa seus serviços, mas também está a crescer rapidamente na Costa do Marfim, tornando-se o aplicativo mais baixado do Google Play em ambos os países.

Com este novo investimento a Wave expandir-se-á para novos mercados africanos, como Uganda e Mali, e vai fortalecer a sua presença nos mercados existentes, melhorar a oferta de serviço digital locais, engenharia e aumentar as equipes de vendas. A Wave emprega atualmente mais de 800 pessoas.

“Desde o início, temos estado incansavelmente focados no objetivo de construir um serviço de dinheiro móvel que seja fácil de usar e radicalmente acessível. Temos algo que as pessoas no Senegal amam, mas isso é apenas o começo – a nossa missão é levar uma rede financeira moderna para todos em África ”, disse Drew Durbin, CEO e cofundador da Wave.

“Desde 2018, que apoiamos a Wave porque estamos convencidos de que o dinheiro móvel continua a ser um problema não resolvido em África”, disse Tidjane Dème, sócio e cogerente da Partech África.

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite o seu comentário!
Por favor, digite aqui o seu nome


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.